CONECTE-SE CONOSCO

Abuso

Ex-integrante do Menudo revela ter sido estuprado

Publicado

em

Foto (Arquivo)

O cantor Angelo Garcia, de 46 anos, ex-integrante da banda Menudo, declarou ter sofrido abusos sexuais durante os dois anos em que integrou a boy band. A revelação foi feita na série documental “Menudo: Forever Young”, lançada pela plataforma de streaming HBO Max, que explora os bastidores do grupo.

Na ocasião dos abusos, o artista tinha entre 11 e 14 anos. Angel relata que, em certa ocasião, foi levado por um homem a um quarto de hotel, onde foi incentivado por ele a beber álcool.

Angelo afirma que perdeu os sentidos após ingerir a bebida e que, ao acordar, percebeu que havia sido abusado sexualmente. “Estava nu e sangrando, então sabia que havia sido penetrado. Eu tinha algumas marcas de queimadura no rosto. Fiquei muito confuso e sem entender”, relatou o músico, que também assegurou que essa não foi a única ocasião em que foi vítima de violência sexual.

Angelo Garcia (Ex-Menudo)

“Durante meu tempo no Menudo, fui estuprado várias vezes, e era assim que os predadores sexuais se aproveitavam de mim”.

Em mais um trecho do programa documental, outro ex-integrante do Menudo, Andy Blázquez, conta que o empresário da banda, Edgardo Díaz, chegava a incentivá-los a experimentar sexo anal. “Lembro-me de Edgardo dizendo: ‘sabe o prazer que você sente quando está fazendo cocô? Sexo anal é assim.'”

Lançada na quinta-feira (23), a série conta, ao longo de seus quatro episódios, com vários depoimentos de ex-integrantes e pessoas próximas à boy band.

Setor responsável pela captação, desenvolvimento e distribuição de informações coletadas e publicadas por nossos colaboradores nas diferentes regiões do pais em caráter exclusivo e/ou especial.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

Populares