Connect with us

Polêmica

Canisso diz que o clima “piorou de vez” com os Raimundos

Published

on

Foto: Divulgação

A influente banda brasileira liderada pelo vocalista e guitarrista Digão está, obviamente, reclusa por causa da quarentena para evitar a COVID-19, mas tem dado o que falar nos noticiários por motivos nada bacanas.

Isso porque o músico usou as suas redes sociais para comparar o isolamento a uma “amostra grátis do comunismo” e depois discutiu com fãs que o criticaram por causa de seu apoio às ideias do atual presidente Jair Bolsonaro.

Ele chegou, inclusive, a prometer uma guitarra para quem “provasse” seu apoio ao presidente sem partido, mas depois se arrependeu, dizendo que todo esse episódio “abriu sua cabeça” e lhe ensinou muitas coisas.

Canisso e os Raimundos

Acontece que desde o começo disso tudo o baixista da banda, Canisso, tem falado sobre como não se deve misturar as opiniões de integrantes com as opiniões do grupo como um todo, deixando bem claro que não concorda com Digão.

E agora, apesar do pedido de desculpas do vocalista e guitarrista, parece que o clima não melhorou, já que há poucas horas o músico usou o Twitter para dizer que tudo “piorou”.

Canisso respondeu um fã que perguntou “como está sendo trabalhar os assuntos referentes à banda tendo opiniões tão diferentes?”

A resposta, clara e direta, foi:

“Está TUDO suspenso. Pelo menos no que diz respeito a mim. O clima que já estava ruim piorou de vez.”

Em seu perfil oficial, dá pra perceber que Canisso quis deixar bem claro em várias oportunidades o fato de que não pensa como Digão e que as pessoas não devem generalizar o posicionamento reacionário do cara aos seus colegas.

Tanto que quando o jornalista José Norberto Flesch montou a banda fictícia “The Cloroquiners” (fazendo referência a quem apoiaria Bolsonaro) colocando Canisso no baixo ao lado de Digão, Roger (Ultraje A Rigor e apoiador ferrenho do governo) e Lobão (apoiador de Bolsonaro na campanha, hoje arrependido), Canisso disse:

“teu CU. VAI SE FUDER, OTÁRIO.FALE DO QUE VC SABE.”

Em tempo, Flesch apagou o tweet pois disse ser um erro incluir Canisso na formação.

Fotografo, videomaker, editor do site Os Bastidores, estudante compulsivo de TI, fã de Heavy Metal, estudioso da cultura medieval e apreciador de um bom vinho.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Advertisement
Advertisement
Advertisement
Advertisement

Termômetro

A GENTE TEM PAIXÃO EM INFORMAR, FOMENTAR E PROPAGAR TUDO SOBRE MÚSICA! Há 9 anos temos o prazer de criar conteúdo que informe e forme opinião para conectar ídolos, fãs e marcas. Inovação, responsabilidade, ética, imparcialidade, diversidade e consciência inclusiva representam a nossa filosofia. Copyright © 2011-2020 - Os Bastidores | On Stage Management - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Joás Sanct