Connect with us

Publicado

em

Uma das notícias mais tristes de 2019 foi, sem dúvidas, o falecimento de Andre Matos. O fundador e vocalista de bandas como Angra Shaman foi vítima de uma parada cardíaca em Junho. Antes disso, no entanto, Matos estava trabalhando em um projeto bem diferente ao lado de Robertinho de Recife.

Em entrevista exclusiva à revista Guitarload (via Whiplash), o guitarrista revelou:

“Faríamos um disco lindo só de baladas. Ele me procurou, mostrou algumas baladas e eu sugeri fazer um álbum assim, aí ele pirou. Passamos noites e noites tocando. Um dia, o teclado dele estava ligado na minha mesa e eu acabei gravando duas músicas.”

O projeto não chegou a tomar forma, infelizmente, mas duas gravações surgiram do período. Uma delas está nas mãos de Robertinho, que não pretende divulgá-la tão cedo — uma versão de “How You Gonna See Me Now”, de Alice Cooper. Segundo ele:

“Ele cantando essa música… p*ta que pariu! Fico arrepiado ao falar. Ficou lindo! Ele só errou na letra, em inglês. Até valeria eu divulgar, como documento, mas no Brasil é complicado… vão reclamar que ele errou a letra, sendo que ele só estava cantando de cabeça.”

Foto: Divulgação

Enquanto esperamos que o guitarrista mude de ideia, podemos ouvir a outra gravação, que já foi disponibilizada. É uma versão em inglês da música “Noturno”, de Fágner.

A ideia do projeto era que Andre Matos cantasse em tons mais graves, já que passou a carreira toda cantando “sempre ‘no talo’”, e mostrasse mais um pouco de sua capacidade técnica.

Ele falou ainda que o acontecimento “não foi algo premeditado”. Andre estava comandando teclado e voz, com Robertinho no violão e Rob Endraus, filho do guitarrista, no baixo. Entre as músicas tocadas estavam sucessos do StyxJourney e até “Wuthering Heights”, de Kate Bush, regravada pelo Angra no disco Angels Cry (1993).

Por fim, Robertinho de Recife contou que Matos já tinha grandes ambições para a obra:

“Ele até falava: ‘pensa a gente em um palco todo branco, nós com roupas brancas, instrumentos brancos’… depois que ele faleceu, fiquei grilado com isso (risos). Será que ele sonhou com todos nós mortos, tocando no céu? Fiz uma oração e falei: ‘aquele sonho foi só um sonho, né, querido?’ (risos)”

Fotografo, videomaker, editor do site Os Bastidores, estudante compulsivo de TI, fã de Heavy Metal, estudioso da cultura medieval e apreciador de um bom vinho.

Clique aqui para comentar

Comente ou responda

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Termômetro

A GENTE TEM PAIXÃO EM INFORMAR, FOMENTAR E PROPAGAR TUDO SOBRE MÚSICA! Há 9 anos temos o prazer de criar conteúdo que informe e forme opinião para conectar ídolos, fãs e marcas. Inovação, responsabilidade, ética, imparcialidade, diversidade e consciência inclusiva representam a nossa filosofia. Copyright © 2011-2020 - Os Bastidores | On Stage Management - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Joás Sanct